seis estão me seguindo

Hora

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR!

quinta-feira, 3 de junho de 2010

"killing hunger"

Copa

27 comentários:

myra disse...

outra coisa mais genial, como ja te disse voce vai me fazer gostar de futebol!!!!! vou ver todos os jogos, pensando em voce!!!
beijos e saudades!!!

Chica disse...

Genial sempre,Tonmho!abração,chica

Eduardo P.L disse...

Muito boa sua série da Copa!

Sr do Vale disse...

Copa, um espaço gourmet!

Mirze Souza disse...

Geniou's art!

Tonho, sua arte é 1000. Muito além de HEXA . Chegaremos antes deles lá na Africa do Sul por suas mãos.

Bem que você podia fazer um quebra cabeça....

AMEI!

Beijos

Mirze

angela disse...

Mata a fome de quem?
Espero a continuidade da serie...
beijos

betina moraes disse...

uma série especial para a copa?

os dois são ótimos! espero mais.

beijos.

Lara Amaral disse...

Matar a fome? Só se for comendo o gramado e reciclando o patriotismo que só vem de 4 em 4 anos... eita, é por isso que estás de quatro?

rs.

Beijo!

Adriana Karnal disse...

Fome de bola!!! hexa,Brasil!!! Também tu em clima de Copa,rssrs

Fouad Talal disse...

Pasta Brasil!

Luísa disse...

Esta mesa posta com galanteio, virá matar a fome?
Ponho as minhas mais sérias dúvidas!!!

Belíssima metáfora! Invulgarmente criativa! Parabéns!
Beijinho terno!

Fatima Cristina disse...

Olá Tonho!

A bola quadrada
a copa da África
a fome redonda
que rola melhor que a bola
no campo de futebol
mas nesta hora da fome real
ninguém se lembra
lembra-se sim da fome da vitória!

Ótima série, como sempre!!!

Beijos!

Sylvio de Alencar. disse...

Alimentei a ritinha, a hamster aí do lado.
Fico abismado com minha inteligência!!!!!!! (e com meu cuore: fiquei com pena do bechenho!)


O 'cara' tá comendo o Brasil?:
1) Metafóricamente, é o Dunga? O chefe dele? O circo do futebol? O Inacio? A Dilma?
2) Os cubinhos é resultado de uma 'descontrução'do país? Ou é o totô do 'cacholinho'?
3) em vez de nossa seleção fazer bonito, vai lá o Dun e em vez de valorizar, vai lá e 'come' o campo; acabando com ele... (faz parte do processo).

Chega, não quero ser chato num momento tão bacana como esse!

Abrçs!

Marcos Satoru Kawanami disse...

cartunista é fogo, vocês têm visão geométrica:


VISÃO GEOMÉTRICA

Lamentável é ter a alma tétrica...
Eu quero fazer versos empolgados
Para empolgar ou serem odiados;
Mas, não, minha visão é geométrica.

Às vezes até sinto a força elétrica
Do impulso de neurônios agitados
Com uma ânsia de corpos mutilados
Encarcerados na rima e na métrica.

Sim, tenho sentimento e ele grita
Assaz veemente nas contradições,
Terrível mar revolto que se agita

Mudo, porém bradando mil canções!
Mudo, tudo porque o desabilita
O tão cruel bom-senso das razões.

Marcos Satoru Kawanami

.

JPM disse...

Olá,
Tive contato com o teu blog no da Manufatura.
Agora vim conhecê-lo e seguí-lo.
Muito espirituoso!
Desde já és convidado a visitar o meu.
Saúde e felicidade.
João Pedro Metz

Manifesto Interno disse...

Venho aqui para me alegrar com seus traços e cores, e os dessa série tem o verde em destaque que é minha cor de alma, cor dos mares profundos,
completaria a frase Matando a fome.. na raça e no chute!


Bjs poéticos,
Ester.~

Mari Amorim disse...

Genial!
o vento afaga
o cabelo das velas
que apaga

Obrigada pelo carinho.
Bom final de semana,
Boas energias sempre!
Mari

Juliêta Barbosa disse...

Tonho,

Nada entendo de futebol, mas exerço a minha humanidade colocando-me sempre no lugar do outro. Sei que em tempos de copa do mundo, os egos se inflamam e todos apontam para os acertos que fariam caso estivessem no lugar do Dunga. Até ai tudo bem, é o nosso ufanismo falando mais alto... Mas, daí a se arvorar em árbitro e decidir um jogo que está apenas começando, é um pouco demais... Deixemos à bola rolar e se ao final, ela não nos der a glória desejada – quer por interesses escusos ou outro motivo qualquer - que possamos entender que Dunga também é brasileiro... Um só brasileiro para contornar as vaidades e os interesses dos membros da sua equipe e para fazer valer o sonho de uma Nação.

PS: Sinto não entender de futebol, mas a sua arte em verde e amarelo, faz vibrar meu coração...

Augusto Bier disse...

Tonho véio, eu tava pensando nesse lance de fome, também. É ironia botar uma COPA na África, se os caras mal tem o que fazer na COZINHA. E esse cartum aí tá genial por denunciar a contradição, que também se dá aqui mesmo no Brasil. Eu não quero me ufanar da concentração de renda do futebol. Eu quero me ufanar é da distribuição e da justiça social. Nhé!

myra disse...

quero mais!!!!! meu genial amigo!
bjs e saudades

Gisela Rosa disse...

muito boa essa representação dos dados....sua cabeça Tonho é bem apurada.....



beijo

Ribeiro Pedreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ribeiro Pedreira disse...

o brasil é quadrado
na fome come a bola
depois fica de quatro

RUBENS GUILHERME PESENTI disse...

tonho, mano véio, já deve estar cansado dos meus elogios e babação pelo seu trabalho, e os mantenho, pois aqui é sempre uma surpresa renovada.
agora, eu queria falar um pouco do seu trabalho sobre o futebol em relação ao trabalho do nosso parceiro Al-Chaer sobre o mesmo tema.
o Al é um cara que gosta do futebol. ele tem uma visão poética e humorada do esporte. o Al é um poeta com esperanças.
Você, assim como eu, embora tenha feito pouca coisa sobre futebol, tem uma visão mais crítica, mais amarga, mais sem esperança dessa paixão nacional. mas é aí que vocês dois se unem, pois o seu trabalho é a esperança.

grande abraço!

Batom e poesias disse...

Ê ô ô
Vida de gado...
povo marcado, é
povo feliz!

bj
Ross

Raquel de Carvalho disse...

Todos os problemas acabaram, né, Tonho!?!
Graças a copa!!!
Que coisa boa!!!

kkkkkkkkkkkkk

Adoreiiiii!!!
Beijos

Ester disse...

Oi meu querido amigo!

Foi um "lápis" da minha parte não o ter colocado no mural,
mas este erro já foi reparado, viu,
vc fulgura no meio com destaque, pois brilha com intenso fulgor há mais de dois anos no universo íntimo,
sempre me encantando com uma criativa que parece não ter fim.. e espero que não tenha mesmo,


abraços verde amarelo,