seis estão me seguindo

Hora

CLIQUE NAS IMAGENS PARA AMPLIAR!

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

"no post"

Parodiando (no bom sentido) MILLÔR em
parodiando

26 comentários:

Flor de Lys disse...

Isso aí me fez lembrar a última prancha do teste projetivo TAT... tem várias pranchas com figuras e a "tia psicóliga" pede para escrever histórias sobre cada uma delas. E a última prancha é toda em branco...
Na facul, quando estávamos estudando esse teste, a professora de Avaliação Psicológica aplicou-o na turma para pegarmos o jeito da coisa... e na última prancha eis que eu escrevo:

Meu cérebro em dia de prova.

rsrs

Gostei de me lembrar disso... pois agora, no último semestre da facul, a saudade vai batendo...

Beijos, amigo Tonho, agradecendo sua visita cheia de códigos especiais. rs

Álly.

Lara Amaral disse...

Só sendo branco seu cérebro, cor onde se encontram todas, onde o espaço para a criação é infindo.

Vc é 100000000000000...!

Beijo!

Aline disse...

Registrando minha visita...
Seus posts são sempre uma surpresa!
Esse do para odiando ficou muito engraçado...
Fiquei horas namorando seu blog todo...
Parabéns!

Marcos Satoru Kawanami disse...

no comment.

=D
Marcos

Voar sem Hasas disse...

Tonho,

um post quanto mais simples , mais leitura tem,

subjectiva, mas com um significado enorme em cada leitura...

.... aquilo que me vem logo á cabeça, é que relativamente á capacidade do nosso cérebro o conhecimento que temos é zero.... não é significativo,


eu sinto-me assim....... esse é o desenho do meu cérebro (quando penso que determinados conhecimentos são importantes, eles revelam-se tão inuteis,,,,,,,,,,

um beijo

Mirze Souza disse...

TONHO!

Então você é FICHA LIMPA!

Isso eu já sabia!

Beijão poeta da PAZ!

Mirze

Sylvio de Alencar. disse...

'Vazio' ele pode ser, mas, poliglóta!!!!!!

Abrçs Tchê!

Ribeiro Pedreira disse...

a massa é cinza...

Tania regina Contreiras disse...

se tá branco...é transLÚCIDO....
Abraços,

Noslen ed azuos disse...


→ Bytonho Milhôr !

abração
ns

Augusto Bier disse...

Millôr é bom, mas tua viagem é sempre melhor. Entreguei uma cópia do teu trabalho pra Nete e ele ficou encantada. Of course!

Prepara aí uma pasta com uns 12 trabalhos pra gente esfregar na cara dos mestres da Grafar.

Marcantonio disse...

Metalinguagem? Desafio aos nossos cérebros? Malevich? Talvez o Nirvana. Lembrei-me do "Isto não é um cachimbo" do Magritte. Em todo caso, um senhor post!

Grande abraço!

myra disse...

esta post tao simples, qtas coisas nao dizem...nao vim estes dias, nao pqe me esqueço de voce, JAMAIS, mas sem mta força...pelo calor tremendo
beijosssssssssssss

Edith Janete disse...

Ele existe!!!!! Bier que me contou!! Ameeeei o presente e assim que meu apto estiver bonito para merecer a honra, colocarei na parede!!
Quanto ao teu post...me deu um branco! hehe..
bjoooo

artebaiao disse...

Caríssimo.
O chato do crime perfeito é a perfeição!
Um ótimo abraço.
baião

expressodalinha disse...

Uma produção que continua espantosa e pela qual passo deslumbrado. Abraço.

Wania disse...

Tonho

PAZ é um bom começo...


Parodiando Millôr, amei!!!!!!
;)))))))))

Bjs

Andre Martin disse...



Vi seu comentário no blog da Mai, e disse que penso que você, além de filósofo, profeta e poeta, é o rei do trocadilho! Mais que enfant súdito, virei um súbito fã!

"sempre >> pre-mês >> espreme" ... = vale pro salário da gente!

O desenho do seu cérebro ficou legal mesmo! É que as pessoas não percebem que você usou tinta branca!!!

Abraço.
AndreM
Fama inFame
Mesdre

nydia bonetti disse...

Sei destes brancos... São campos férteis para todas as cores. abraçoo, tonho!

Ale Danyluk disse...

Descreve com perfeição toda a simplicidade e a transforma em obras únicas.
Muito bom Tonho.
Bjo
Ale

Adriana Godoy disse...

ADOREI SEU "CÉLEBRO". CELEBREMOS POIS! BEIJO

Mari Amorim disse...

Tonho para presidente..
Ficha limpa com muita criatividade e Paz heheh
bjs

Luísa disse...

Amigo,
em branco estou eu!
É sempre um prazer imenso vir cá ver estas coisas!
A música: MARAVILHOSA!
Beijinho terno

Clayton Ângelo disse...

Paz(so) em branco meus comentários, nos quatro hemisférios linguísticos. Abraços meu caro.

Simone Santana disse...

Um dia me orientaram para usar papel milimetrado - era pra eu ter noção de escala.

Depois me aconselharam que o quadriculado amarraria o desenho - bom mesmo era papel branco, até sem margem.

Idades chegam...
Contas vencem...
Talento delimitado
e a cabeça vai ficando sem espaço.
Dentes mastigando a tampa da caneta comprovam:
imagem que não se forma na mente, não há mão que o reproduza nem "suporte" que o favoreça.


Exceção que comprova a regra, a cabeça do Tonho é uma Tela de Cinema. Essas letrinhas andantes dando boas-vindas, vão lhe creditando no cérebro os depósitos da sua "bagagem". Pisca a luz, centésimo de um segundo, e seu show acontece: vale OSCAR.

obs: Professores e as suas receitas - saudade enorme deles, não das receitas.

Simone Santana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.